Iniciar sessão

Votação

A pessoa de quem cuida está acamada?
Sim
33%
Não
67%
Votos totais: 1932

Newsletter

Mantenha-se informado sobre as nossas novidades.

Como evitar a gripe

Créditos Imagem

A prevenção da gripe é um aspeto muito importante a ser considerado por todas as pessoas que se preocupam com o seu estado geral de saúde, especialmente durante os meses mais frios de inverno, que é quando a gripe se manifesta mais. Saiba como evitar a gripe e proteja o seu organismo de um dos vírus mais comuns.

O que é a gripe

A gripe é uma doença infecciosa e contagiosa que é causada pelo vírus ARN, mais conhecido como influenza. A sua ação afeta o nariz, os seios nasais, a garganta, os pulmões e os ouvidos, e tanto pode atingir os seres humanos como os animais. Os sintomas mais comuns que a gripe provoca são: calafrios, febre, dor de garganta, dores musculares, dores de cabeça, tosse, fadiga e mal-estar. Nos casos mais graves, a gripe causa pneumonia e esta pode ser fatal para as crianças mais pequenas e para os idosos. Dessa forma, e para não andar com o “pingo no nariz” no próximo inverno, tome já todas as precauções necessárias para prevenir a gripe.

Como evitar a gripe

Para evitar a gripe, deve cumprir com os aspetos seguintes:

Tome a vacina da gripe

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a vacina da gripe é a forma mais efetiva, segura e eficaz de prevenir a gripe. Todas as crianças pequenas, as pessoas acamadas, os idosos com doenças crónicas e as pessoas que trabalham com muita gente devem tomá-la, de forma a estarem o mais protegido possível. O período ideal para a vacinação é na estação do outono, antes da temporada da gripe, sendo que a vacina torna o organismo imune ao vírus durante um período máximo de um ano.

Discuta com o seu pediatra se valerá a pena imunizar as crianças que frequentam creches

Um estudo recente descobriu que as famílias cujos filhos foram imunizados nas creches tinham menos de 42% de infeções do que as famílias das crianças que não foram imunizadas. Este aspeto pode ser muito importante se tiver de cuidar de pais idosos ou outros familiares.

Lave regularmente as mãos

Uma lavagem rápida de mãos não é suficiente para matar os germes que lá possam estar. Como tal, deve lavar as mãos com sabão durante um período de 15 a 30 segundos para que elas fiquem bem limpas e desinfetadas, isto é, sem qualquer tipo de micróbios.

Mantenha as mãos afastadas do rosto

Ao manter as mãos afastadas do rosto estará a impedir que os micróbios ou vírus que lá possam estar se espalhem para os olhos ou para o nariz. Um estudo revelou que, normalmente, as pessoas tocam no seu rosto cerca de 15 vezes por hora. Antes de o fazer, não se esqueça de lavar as mãos corretamente.

Ingira muitos nutrientes à base de vitamina E

A vitamina E é um antioxidante muito utilizado por desportistas e pessoas com uma vida profissional ativa, porque regenera os tecidos do corpo, incluindo sangue, pele, ossos, músculos e nervos. Certifique-se que o seu organismo recebe nutrientes à base de vitamina E, mas também outros antioxidantes como a vitamina A, C e B. Estas vitaminas possuem propriedades exclusivas que garantem uma resposta imunológica mais eficiente.

Descanse

Atualmente, a maioria das crianças e dos adultos não dorme o suficiente. É aconselhável que durmam cerca de 7 a 9 horas por noite, caso contrário, existem maiores probabilidades de adoecerem.

Não fume

O ato de fumar paralisa as células ciliares que revestem o nariz e reduz a drenagem brônquica e isso conduz à obstrução e paralisação das vias respiratórias. Além disso, quando fuma, o vírus da gripe vai fazer com que as células parasitadas façam cópias de vírus e estas vão infetar outras células do organismo e ainda outras pessoas.

Use lenços de papel

Para reduzir a propagação da gripe é aconselhável que utilize lenços de papel em vez de lenços de pano. Ao fazê-lo, estará a controlar de uma forma mais eficaz uma possível infeção.

Reduza o consumo de álcool

As pessoas que consomem álcool são mais suscetíveis de sofrerem constipações e gripes, pois o seu organismo não tem uma boa capacidade de resposta no combate às infeções. Se tiver dificuldades em reduzir o consumo de álcool, deve realizar um tratamento de alcoolismo, uma vez que esta é uma doença crónica e progressiva.

Faça exercício físico

As pessoas que fazem exercício físico com regularidade adoecem com menos frequência. O desporto é assim importante em todas as idades e durante todo o ano, mesmo durante o inverno. A prática de exercício físico para os idosos é fundamental para prevenir doenças cardíacas, assegurar a flexibilidade, mobilidade, equilíbrio e mantém as forças no máximo.

A sua votação: 
Average: 5 (1 voto)