Iniciar sessão

Votação

A pessoa de quem cuida está acamada?

Newsletter

Mantenha-se informado sobre as nossas novidades.

Como cuidar de pais idosos

Idosos deitados numa cama de rede
Créditos Imagem

À medida que os nossos pais envelhecem, requerem cada vez mais atenção, cuidados e carinhos. Quer vivam sozinhos ou com familiares, cuidar de idosos é um trabalho contínuo que exige algum trabalho de preparação e prevenção, assim como elevados níveis de alerta e uma boa dose de paciência.

Em casa

A maioria dos idosos passa bastante tempo em casa, o que significa que, para além do conforto, é importante assegurar algumas condições de segurança básicas:

  • Colocar um alarme em casa.
  • Instalar detectores de fumo na cozinha e nos quartos.
  • Isolar portas e janelas para evitar a entrada de frio/calor.
  • Assegurar que o óculo da porta de entrada esteja à altura do idoso.
  • Reduzir a temperatura da água na caldeira, para evitar queimaduras no banho.
  • Evitar a existência de muitos espelhos em casa porque os reflexos podem assustar o idoso.
  • Certificar que não existam artigos inflamáveis (cortinas, panos, etc.) junto do fogão na cozinha.
  • Colocar o micro-ondas sobre a banca em vez de o manter elevado.
  • Assegurar que toda a casa está bem iluminada, incluindo corredores, escadas e entradas exteriores.
  • Instalar interruptores iluminados que são mais visíveis durante a noite.
  • Substituir as maçanetas das portas redondas por maçanetas horizontais que são mais fáceis de abrir e fechar.
  • Instalar rampas de acesso, caso o idoso utilizar uma cadeira de rodas ou um qualquer apoio para se deslocar.
  • Instalar um chuveiro flexível e uma cadeira de banho para facilitar a higiene pessoal; colocar uma sanita mais elevada na casa de banho.
  • Substituir o telefone e os comandos da televisão por modelos com teclas grandes.
  • Colocar um telefone na mesa-de-cabeceira do idoso.
  • Substituir os relógios tradicionais por relógios digitais, que são mais fáceis de ler.
  • Organizar o guarda-roupa do idoso através do agrupamento de calças, camisas, camisolas, saias e vestidos.
  • Assegurar a limpeza doméstica, a lavagem e engomagem de roupa ou contratar alguém para o fazer.

Como evitar quedas de idosos

As quedas de idosos são mais frequentes do que imaginamos e podem originar das situações mais normais do dia-a-dia, como calçar uns chinelos escorregadios ou caminhar sobre um chão encerado. A maioria das quedas de idosos resultam em dolorosas fracturas, por isso, saiba como as evitar:

  • Evitar fios suspensos, fios muito compridos ou atravessados no chão.
  • Retirar tapetes escorregadios ou equipá-los com um anti-derrapante.
  • Evitar encerar o chão de casa.
  • Limpar imediatamente qualquer líquido/alimento entornado.
  • Certificar que todas as escadas tenham um corrimão seguro.
  • Instalar barras de apoio nos duches/banheiras e ao lado das sanitas.
  • Afixar um tapete de borracha no fundo da banheira.
  • Colocar barras de apoio nas camas para facilitar na hora de levantar e deitar.
  • Optar por uma cama mais baixa, que torna mais seguros os movimentos de levantar e deitar.
  • Organizar o mobiliário de forma a criar um espaço amplo para circular, livre de obstáculos.
  • Remover objectos e mobiliário em excesso.
  • Organizar os armários de forma a colocar os objectos mais utilizados nas prateleiras mais baixas – tudo deve ser de fácil acesso para o idoso. Desta forma, o idoso pode evitar as quedas que muitas vezes originam da utilização de bancos ou cadeiras.
  • Assegurar que as cadeiras utilizadas pelo idoso são suficientemente altas e que tenham apoios para os braços; evitar cadeiras com rodas.
  • Colocar um cadeirão no quarto, onde o idoso se possa sentar para vestir e calçar.
  • Evitar calçado com solas escorregadias e vestuário muito comprido.
  • Colocar luzes de presença em todas as divisões utilizadas à noite, para evitar a queda do idoso às escuras.

Saúde

A saúde de pais idosos é uma preocupação constante e tem de ser vigiada regularmente, tendo em conta os seguintes aspectos:

  • Assegurar uma dieta saudável e equilibrada, composta por fruta, vegetais, cereais, alimentos com pouca gorda e baixo teor de sal.
  • Falar com o médico do idoso sobre a toma de um suplemento de vitaminas e/ou cálcio.
  • Certificar que o idoso se mantenha hidratado, bebendo muita água.
  • Acompanhar o idoso nas suas consultas ao médico.
  • Ajudar o idoso a organizar a toma dos medicamentos diários, distribuindo-os em caixas próprias para o efeito.
  • Estar atento a possíveis efeitos secundários dos medicamentos do idoso.
  • Assegurar que os óculos e/ou o aparelho auditivo do idoso está de acordo com as suas necessidades actuais.
  • Manter um historial médico actualizado do idoso, assim como os contactos de todos os seus médicos.
  • Devolver à farmácia medicamentos que estão fora de prazo ou que o idoso já não necessita tomar.
  • Evitar o consumo de álcool, principalmente se o idoso está a tomar medicação.
  • Manter os pais idosos activos, através de caminhadas, passeios, aulas de hidroginástica ou outras actividades físicas exclusivamente pensadas para idosos.

Bem-estar emocional e psíquico

Cuidar de idosos também passa pela companhia e conversa, ou seja, é importante que passem tempo de qualidade juntos. Para além disso, os pais idosos devem ser incentivados a levar uma vida o mais normal possível, recheada de coisas divertidas e que gostem de fazer:

  • Faça visitas regulares aos seus pais idosos e incentive-os a fazerem o mesmo.
  • Motive o idoso a manter os seus amigos, saindo para se encontrar com eles na pastelaria.
  • Contacte um vizinho ou amigo que também possa visitar os pais diariamente ou no caso de alguma emergência.
  • Incentive o idoso a ir ao cabeleireiro/barbeiro regularmente.
  • Se o idoso necessitar da ajuda de outra pessoa para se deslocar – ir às compras, ao médico ou visitar os amigos – coloque-se à disposição para o levar, combinando sempre estes compromissos com antecedência.
  • Incentive o idoso a ler e a ver televisão para estar a par do mundo e mantenha-o informado acerca das novidades familiares, assim como das datas importantes que se aproximam, caso dos aniversários.
  • Motive os seus pais idosos para se inscreverem numa universidade sénior ou num centro de convívio.
A sua votação: 
Average: 4.7 (26 votos)